Esta onça-parda foi escrava de um circo por 20 anos. Agora, veja sua reação ao ser liberta… emocionante!

A parte de trás de uma pickup não é um lugar adequado para um animal viver, especialmente uma onça-parda (também conhecida como sussuarana ou leão-da-montanha) adulta. Mas infelizmente foi exatamente isso que aconteceu com Mufasa.

onça-parda presa na traseira de uma pick-up

Musafa foi forçada a viver na traseira de uma pick-up, viajando de um lugar para outro com um circo ambulante no Peru. Ser uma atração para os outros não é um argumento para ter que viver em uma jaula nessas condições, mas isso é exatamente o que aconteceu.

Nos dias atuais ainda existem muitos animais que vivem como Mufasa – vivem para se apresentar em circos, zoológicos e outros tipos de “shows”. Os pobres animais são obrigados a viver em espaços estreitos e nunca têm a oportunidade de viver a vida que merecem.

Mustafa foi encontrada acorrentada na parte de trás de uma pick-up. Ela tinha vivido assim por 20 anos, forçada a uma vida que não merecia.

“Ele viveu toda a sua vida usando uma correia e amarrado à parte traseira de uma caminhonete”, disse Jan Creamer, presidente da ADI – Animal Defenders International (Defensores de Animais Internacional). “Ele compartilhou a parte de trás da caminhonete com todo o equipamento de metal.”

onça presa no compartimento de trás da caminhonete

“Era absolutamente a coisa mais miserável e triste que você já pode ter visto, ver um belo animal empurrado para um canto”, lamentou Jan Creamer.

Mas Mufasa teve sorte na má sorte – sua situação melhorou quando uma organização animal conseguiu liberá-la depois de vários meses de luta e trabalho.

Leia também:

Agora ela encontra-se muito melhor. Já não vive mais uma vida cheia de insegurança, onde era usada como atração de circo. A onça agora tem a oportunidade de viver a vida que todos os animais merecem – a vida em liberdade, e poderá passar seus últimos anos na selva junto com outros animais.

Ficamos felizes em saber que esta história teve um final feliz. No vídeo abaixo, você pode ver os primeiros passos da liberdade de Mufasa.

A onça-parda Mustafa e um condor chamado Condorito, que também viveu no circo, foram os últimos animais resgatados como parte da ‘Operação Espírito da liberdade’ da ADI, que durou meses, uma repressão contra a exibição de animais, em seguida à proibição de animais em circos do Peru. O projeto já salvou cerca de 80 animais, mas, apesar de uma parceria ativa do governo peruano, tem sido frequentemente uma luta.

Quanto ao condor Condorito, mais do que apenas a liberdade poderia estar em seu futuro: recuperar o poder de voar. O circo aparou suas asas para que ele não voasse, mas a ADI foi informada de que é possível suas penas crescerem novamente se elas são arrancadas, o que faria dele elegível para a libertação.

 

Nenhum animal merece ser maltratado. Se você ama os animais, compartilhe isso para que juntos possamos conscientizar as pessoas.

Compartilhe com seus amigos

Recomendado para você

Sobre o autor: Enciclopets

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *