Insolação em Pugs

0

 

Insolação é um transtorno no bem- estar dos pugs, e até em outros cachorros, que infelizmente, poucos donos sabem, e quando acontece, não sabem como agir.

Sabemos que o clima no Brasil é bem variado, mas de modo geral, é um país bem quente.
Apesar da pelagem “rala”, os pugs não simpatizam muito com o calor.
Os pugs se identificam com uma temperatura de -4°C a 25°C, acima disso, se torna uma temperatura de grande risco à saúde deles.
Eles precisam de um grande fluxo de ar, por isso, devemos evitar tais coisas como:

  • exposição excessiva ao sol;
  • lugares muito fechados e quentes;
  • o próprio ar condicionado;
  • deixa-los muito tempo dentro do carro;

O focinho do pug é muito pequeno e a probabilidade de ele ter uma irritação térmica é muito grande.

E não é só com a insolação que devemos cuidar, o excesso de sol pode prejudicar órgãos do cachorrinho (rins, fígado e coração).
Também não devemos cortar completamente o sol da vida dos pugs, o sol tem vitaminas e minerais fundamentais para a pelagem e pele do pug.

Bom

SE ATENTE NO PUG

Quando um pug está com insolação devemos nos atentar a alguns sinais:

  • stress
  • vômitos
  • ofegância
  • coração acelerado
  • elevação de temperatura (febre)
  • …em alguns casos o cão pode vir a desmaiar.

MEU PUG ESTA COM INSOLAÇÃO, E AGORA?

Primeiramente mantenha o pug em um local com temperatura ideal e faça uma massagem, você pode dar um banho de água fria se preferir, mas o ideal é leva-lo ao veterinário o quanto antes.
E não esqueça, você dono, pode evitar tudo isso com pequenas atitudes, cuidando de seu bichinho atenciosamente!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.